PUB
Recheio 2024 Profissional

Descoberta mutação genética que trava Alzheimer

Um grupo de investigadores da Islândia estudou o genoma completo de 1795 islandeses e descobriu uma mutação do gene APP que reduziria até 40 por cento a formação da proteína amilóide em idosos saudáveis. A referida proteína é uma substância insolúvel que se acumula no cérebro dos doentes, formando placas, e dando origem ao aparecimento da Alzheimer. Citado pela agência Efe, o coordenador da equipa de investigação, Kari Stefansson, afirmou que, até ao momento, a mutação “representa o primeiro exemplo de uma alteração genética que confere proteção forte contra a doença de Alzheimer”.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

PUB
Pingo Doce- Revista Sabe Bem