Philips

DECO ensina portugueses a “arrumar o frigorífico”

DECO ensina portugueses a “arrumar o frigorífico”

Um frigorífico organizado é sinónimo de perda de tempo na procura de alimentos e, consequentemente, de redução do consumo de eletricidade “para atingir a temperatura ideal no seu interior”, uma vez que a porta não fica “demasiado tempo aberta”.

O alerta é da DECO Proteste, que esta semana, partilhou um artigo, na sua página oficial, onde explica aos portugueses como devem fazer para arrumar o frigorífico “de forma simples” e bastante prática. Depois de acondicionar os alimentos, estes devem ser distribuídos “pelas diferentes prateleiras, tendo em conta as zonas de frio”, havendo, por isso, prateleiras específicas para cada tipo de produto. A carne e o peixe crus, por exemplo, exigem temperaturas mais baixas do que a fruta e os vegetais.

deco

Segundo explica, na prateleira superior do frigorífico devem ser acondicionados “iogurtes, natas, queijo, compostas e maionese”, enquanto a zona intermédia deve ser reservada ao “fiambre e charcutaria, conservas abertas e bolos”.

Na zona por cima das gavetas, deverão estar a “carne, marisco e peixe crus, sopa e pratos cozinhados” e nas gavetas devem ser depositados as “frutas e os legumes frescos”.

Já na porta, a DECO sublinha que devem ser guardados o “leite, sumos, manteiga, margarina, bebidas e ovos”. “Estes devem ser guardados com a ponta mais fina virada para baixo e não lavados, uma vez que a água destrói a película protetora e abre a porta aos microrganismos”, adverte.

Outra das zonas que deve estar especialmente bem organizada é o congelador, pelo que a entidade aconselha a que esta seja feita “de forma lógica”. A sugestão, indica, passa por “uma gaveta para carne e peixe”, outra para legumes e, assim, sucessivamente. Além disso, os alimentos devem estar identificados, com a data de congelação, “de forma a consumir primeiro os mais antigos”.

Na mesma nota, a DECO indica que os frigoríficos devem ser limpos “a fundo” a cada “seis meses”, assegurando, assim, uma boa higiene e conservação dos alimentos. Estes devem ser limpos com “água quente e detergente da loiça”, depois de retiradas todas as prateleiras e gavetas.

Adicionalmente, os cidadãos podem desinfetar as superfícies “com vinagre ou limão”, completa.

PUB
www.pingodoce.pt/campanhas/sabor-do-mes/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=carne&utm_campaign=sabordomes