Sabor do mês PD - carne

Cultura em Expansão vai de férias e despede-se com duas peças de teatro

Cultura em Expansão vai de férias e despede-se com duas peças de teatro

O programa Cultura em Expansão vai de férias e só regressa em setembro. “A Perturbação do Cidadão Exemplar” e “Nu Meio – Bailão” são as apostas deste fim de semana, com apresentações na Pasteleira e em Campanhã.

De acordo com a empresa municipal, Ágora, a mais recente produção das Comédias do Minho, “A Perturbação do Cidadão Exemplar”, estreou no fim de junho, em Paredes de Coura, com encenação e direção artística de Joana Magalhães.

Para construir a dramaturgia, Joana Magalhães utilizou excertos de um texto original de Gonçalo M. Tavares (“A perturbação do Cidadão Exemplar”), bem como de outros textos de Rui Pina Coelho (“Estética, resistência e melancolia”), Ricardo Neves-Neves (“A ilha do desporto”), e Bob Black (“A abolição do trabalho”).

Pela primeira vez no Porto, a peça será apresentada, nesta sexta-feira, dia 29, às 21h30, ao ar livre, no Ringue da Associação de Moradores do Bairro Social da Pasteleira – Previdência/Torres.

Por outro lado, no dia seguinte, dia 30, às 17h, a Associação Nun’Álvares de Campanhã, dará palco ao espetáculo “Nu Meio – Bailão”, de Filipa Francisco e Bruno Cochat.

“Ironizando a relação de um casal tipicamente português que se refugia no fado e no “maldizer”, o Homem – Firmino – demarca um território no meio do palco de onde as duas personagens não podem sair”.

“A Mulher – Mila – tenta obsessivamente trepar, agarrar, sufocar este “homem-montanha”. O diálogo entre as personagens é como uma novela, cheio de lugares-comuns, de palavras que explicam encontros e desencontros, de risos estridentes e de cânticos de igreja transformados em opereta”.

Nesta apresentação, os intérpretes Filipa Francisco e Bruno Cochat irão usar, como base para os seus diálogos histórias de amor, que irão recolher, “através de entrevistas, a casais de diferentes gerações de Campanhã”, bem como acontecimentos recentes do país, da ocasião e do Porto.

A entrada nos dois espetáculos é gratuita, mediante o levantamento de bilhete (até dois por pessoa) no local e dia da sua realização, a partir de uma hora antes do início.

Foto: Patrick Esteves

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/diga-ola-ao-verao-com-a-sabe-bem/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=sabebem&utm_campaign=sabebem