CIN - Branco Perfeito

“Corredor Cultural” permite acesso à arte a estudantes

“Corredor Cultural” permite acesso à arte a estudantes

A iniciativa “Corredor Cultural” já se encontra em funcionamento, permitindo aos estudantes do ensino superior acesso a museus, teatros e salas de espetáculos com condições vantajosas.

Este projeto é o resultado de uma parceria de várias entidades, entre elas instituições culturais (como o Teatro Nacional de São João, a Casa da Música e o Museu Nacional Soares dos Reis), e a Universidade do Porto.

Alista completa inclui, numa primeira fase, 50 instituições de 13 municípios da Área Metropolitana do Porto, onde os estudantes usufruem de descontos de 50% para espetáculos nos teatros do Rivoli, Campo Alegre, S. João e Carlos Alberto, as exposições dos museus de Serralves, do Carro Elétrico e Militar ou as produções do Coliseu.

Para quem possuir o cartão da Universidade do Porto tem entrada gratuita no museu da instituição, assim como no Museu da Cidade e no do Centro Hospitalar Universitário.

Para além destes locais, os estudantes podem visitar os museus das Marionetas, de Arte Sacra e Arqueologia, da Farmácia, da Misericórdia e do Futebol Clube do Porto, assim como monumentos como o Palácio da Bolsa, a Catedral do Porto ou a Torre dos Clérigos em condições especiais.

“Todos os estudantes do Ensino Superior, de instituições públicas e privadas, de todos os países abrangidos pelos acordos ERASMUS + – incluindo os internacionais (de grau ou mobilidade) e todos os novos estudantes que acabam de ingressar no ensino superior” podem tivar vantagem desta inciativa.

O objetivo é “colocar a cultura no centro da Universidade e da vida coletiva, daí o compromisso de criar públicos competentes, capazes de melhor fruírem dos discursos artísticos a que terão acesso”, reforça Fátima Vieira, vice-reitora com o pelouro da Cultura da U.Porto, e ainda afirma que o “Corredor Cultural” “vem consolidar o compromisso de criar oportunidades iguais para todos os estudantes universitários no acesso às artes, à cultura e ao património”.

Num futuro próximo prevê-se que o projeto permita a que todos os “estudantes universitários europeus possam, independentemente do país de origem, usufruir de um Corredor Cultural Europeu que inclua museus e salas de espetáculo”, afirma a U.Porto.

PUB
www.pingodoce.pt/campanhas/sabor-do-mes/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=peixe&utm_campaign=sabordomes