Philips

Champions: “vamos mostrar a nossa qualidade”, afirmou Vítor Pereira

Champions: “vamos mostrar a nossa qualidade”, afirmou Vítor Pereira

Em declarações ao site do clube e citado pelo jornal “A Bola”, o técnico afirmou que, se os seus jogadores “querem jogar com os melhores”, têm de estar aptos a “vencer qualquer adversário”. ”Sorteio é sorteio, não será fácil, mas certamente iremos apresentar a nossa qualidade”, apontou. Em relação às equipas que o FC Porto vai ter pelo caminho, Vítor Pereira afirmou que o Paris Saint-Germain “é, talvez, o clube que mais investiu no último ano”, apresentando um elevado nível de “qualidade individual” e uma “equipa muito forte”. “O Dínamo Kiev vem de um futebol difícil, competente, com a agravante de jogarmos lá em novembro, com muito frio. Este ano reforçou-se bastante, os clubes ucranianos são sempre muito ricos, com muita capacidade financeira. Finalmente, o Dínamo Zagreb é da boa escola jugoslava e tem dominado o futebol croata nos últimos anos”, acrescentou, reconhecendo que o seu conjunto terá de ser “forte e competente”.

Champions: “vamos mostrar a nossa qualidade”, afirmou Vítor Pereira

 

“Estou seguro de que vamos mostrar a nossa qualidade, mas também sabemos que teremos de ser fortes e competentes”, afirmou o técnico dos azuis e brancos.

 

O treinador do FC Porto, Vítor Pereira está confiante no desempenho do conjunto azul e branco na fase de grupos da Liga dos Campeões, admitindo, contudo, que é necessário combater as dificuldades.

Em declarações ao site do clube e citado pelo jornal “A Bola”, o técnico afirmou que, se os seus jogadores “querem jogar com os melhores”, têm de estar aptos a “vencer qualquer adversário”. ”Sorteio é sorteio, não será fácil, mas certamente iremos apresentar a nossa qualidade”, apontou. Em relação às equipas que o FC Porto vai ter pelo caminho, Vítor Pereira afirmou que

O Paris Saint-Germain “é, talvez, o clube que mais investiu no último ano”, apresentando um elevado nível de “qualidade individual” e uma “equipa muito forte”. “O Dínamo Kiev vem de um futebol difícil, competente, com a agravante de jogarmos lá em novembro, com muito frio. Este ano reforçou-se bastante, os clubes ucranianos são sempre muito ricos, com muita capacidade financeira. Finalmente, o Dínamo Zagreb é da boa escola jugoslava e tem dominado o futebol croata nos últimos anos”, acrescentou, reconhecendo que o seu conjunto terá de ser “forte e competente”.

 

PUB
www.pingodoce.pt/produtos/take-away/encomendas/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_campaign=encomendasta&utm_term=banner&utm_content=050121-encomendaschef2021

Viva! no Instagram. Siga-nos.