CMPorto

Casa da Música dedica 2021 a Itália

Casa da Música dedica 2021 a Itália

A Casa da Música vai dedicar o próximo ano a Itália, com uma programação que inclui uma gala de ópera que conta com a soprano italiana Daniella Schillaci e o tenor grego Angelos Samartzis para darem voz a Verdi e Puccini.

Num comunicado enviado às redações, a organização revela que o italiano Luca Francesconi será o “Compositor em Residência” na Casa da Música em 2021, o “Artista em Residência” o premiado violoncelista francês Marc Coppey e Carlos Lopes o “Jovem Compositor em Residência”.

A programação temática, que revisita um país que já fora tema em 2013, arranca a 15 de janeiro, com um festival “Avanti Italia!”, a cargo da Orquestra Sinfónica do Porto, com a direcção musical de Martin André, a versar obras dos compositores Giuseppe Verdi e Giacomo Puccini, interpretadas pela soprano Daniela Schillaci e pelo tenor Angelos Samartzis.

A 17 de janeiro, destaque para a apresentação do violinista e maestro Fabio Biondi, que ilustra a música milanesa com a Orquestra Barroca, e no dia 22 para a meio-soprano Christina Daletska, que canta Dallapicolla, e para a pianista sérvia Tamara Stefanovitch, que apresenta, em estreia nacional, o concerto para piano de Luca Francesconi.

O ciclo encerra a 24 de janeiro, com “Italiano Vero…”, em que o Remix Ensemble avança para compositores nascidos no século XX, como Luca Francesconi e Luciano Berio.

Segundo a Casa da Música, 2021 será um ano “com muitas novidades”, com “novos maestros titulares e convidados e um rol de solistas sem precedentes” a dar “corpo a uma programação que se multiplica nas mais diversas narrativas e festivais”.

Por entre os conhecidos ciclos dedicados à “Música e Cinema”, “Música e Revolução”, ou “Música à Volta do Barroco”, a programação revela duas novidades, “Música e Mito”, que surgirá em março, num encontro com Prometeu, Apolo, Siegfried ou Pélleas e Mélisande, e “Música e Vinho”, com propostas que harmonizam música com provas de vinho ou dão a ouvir “A Canção da Terra”, de Mahler, entre 17 e 25 de setembro.

A Casa da Música vai ainda assinalar o 15.º aniversário da Orquestra Barroca com a “Paixão Segundo São Mateus”, de Johann Sebastian Bach, no dia 30 de maio. Ainda no âmbito do ciclo “Música à Volta do Barroco”, apresentará a 13 de novembro, o Requiem de Mozart, e nos dias 17, 18, 22 e 23 de dezembro a “Oratória de Natal”, também de Bach.

O violoncelo será o instrumento em destaque num grande ciclo de concertos, mas o violino terá também um papel de destaque no próximo ano, levando à Casa da Música os virtuosos Benjamin Schmid, Ilya Gringolts, Viviane Hagner e Leticia Moreno.

No “Ciclo de Piano”, as novidades escrevem-se no feminino, com a presença das superpremiadas Yeol-Eum Son, a 18 de maio, e Claire Huangci, a 17 de outubro. “Os consagrados Volodos [23 de fevereiro] e Sokolov [13 de abril] são figuras de cartaz num programa com os pianistas mais reconhecidos da atualidade”, nota a Casa da Música.

No que respeita à música contemporânea, 2021 vai trazer “grandes nomes da composição”, com particular realce para os compositores italianos e portugueses Luca Francesconi, Ivan Fedele, Francesco Filidei, Oscar Bianchi, Carlos Lopes – “Jovem Compositor em Residência”, Pedro Amaral, Luís Tinoco, Vasco Mendonça ou Luís Antunes Pena, que “terá uma obra estreada pelo Remix Ensemble” em Colónia, na Alemanha.

Na música vocal, destaque para os nomes de Andreas Scholl, Chen Reiss, Katharina Konradi ou Hanna-Elisabeth Müller, entre muitos outros cantores do circuito internacional, assim como os da mais recente geração de cantores portugueses, como Eduarda Melo, Tiago Matos, Marina Pacheco ou Raquel Camarinha.

Outra das surpresas agendadas para o próximo ano é o regresso aos palcos do maestro austríaco Leopold Hager, a 30 de abril, depois de ter cancelado aquela que seria a sua última digressão, devido à pandemia.

O jazz terá também presença assegurada, em 2021, com propostas que incluem a organização do “Ciclo Jazz” e do “Outono em Jazz”.

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/um-regresso-saboroso-com-a-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=23092022-edicao69utm_campaign=sabebem