CM Matosinhos

Bira dos Namorados

Bira dos Namorados

Nasceu em Braga com o objetivo de partilhar, através da cozinha, a cultura da região do Minho e, rapidamente, expandiu para o Porto com o mesmo intuito. “Queremos que o Bira dos Namorados seja o ponto de referência da região para aqueles que vivem em Braga e no Porto, mas também para quem passe por estas cidades e queira conhecer mais sobre a cultura minhota”, assinala Diogo Carvalho, proprietário desta afamada hamburgueria e pregaria, com selo de qualidade da marca Recheio.

O grande ex-líbris da casa é, sem duvida, o hambúrguer Vira, um dos primeiros pratos do restaurante que, seis anos depois, “continua a ser muito apreciado, sendo mesmo o mais pedido”. Segundo o responsável, o principal ponto diferenciador está na picanha maturada, a carne rei do prato, mas que não é tão usual encontrar-se em hambúrgueres. “Depois, o sabor completa-se com o doce da compota de cebola com bacon, o queijo pecorino trufado, a alface iceberg, o tomate e o molho de maionese de alho negro. O pão brioche com manteiga de alho também é um dos destaques desta nossa especialidade”, acrescenta.

Mas, há muitas mais opções, e, melhor de tudo, para os “diferentes gostos e tipos de alimentação”. Exemplo disso é o hambúrguer Cana Verde (vegan), composto por quinoa, grão de bico, alface, pickles caseiros de rabanete, rodela de ananás grelhado e maionese vegan de abacate e lima, servido em bolo do caco da Madeira de beterraba; e o Regadinho, hambúrguer de alheira vegetariana panada com cogumelo Portobello, alface e maionese de tomate.

Ao todo são 12 opções de hambúrgueres, com nomes bastante característicos, como o Malhão, o Moda das Saias, o Machadinha, o Chamarrita, o Birazinha e o À Liberdade do Freguês, que convidam todos os clientes a regressar, seja para se deliciarem novamente com estes pratos ou provarem os pregos, as saladas ou até degustarem umas simples entradas, como a mozzarella de búfula e tomate, o tradicional pica-pau, as bolinhas de alheira e as tábuas com produtos nacionais.

O nome do restaurante surgiu com a junção de duas expressões características da região do Minho. “Primeiramente, pegámos no género de folclore “Vira”, trocando, tal como todos na região, o “v” da palavra pelo “b”. Depois, para completar a nome, baseámo-nos na tradicional moda dos lenços dos namorados, também presentes na decoração dos nossos espaços”, explica Diogo Carvalho.

Tendo em conta o atual contexto de pandemia, o Bira dos Namorados adotou medidas específicas e rigorosas de segurança e higiene e reformulou parte dos espaços, através da criação de uma esplanada exterior em cada um dos restaurantes, por considerar que, nesta fase, é uma forma de fazer com que os clientes “se sintam mais confortáveis”.

Além disso, apostou também na criação de uma plataforma de entregas em casa, que permite levar os vários destaques gastronómicos aos residentes a uma distância de até 12km dos dois restaurantes, criou um menu digital, disponível online e através de um código QR, implementou torneiras automáticas nos lavatórios das casas de banho, de forma a impedir o contacto nos dispositivos, privilegiou o sistema de reservas prévias e reduziu a capacidade da sala em 50%.

Horário de funcionamento: De terça a quinta-feira das 12h00 às 15h00 e das 19h00 às 22h00. Sexta-feira das 12h00 às 15h00 e das 19h00 às 22h30, sábado das 12h30 às 22h30 e domingo das 12h30 às 22h00.

Bira dos Namorados
Rua de Ceuta 61, Porto / Rua Dom Gonçalo Pereira 85, Braga
Telefone 222 081 009 (Porto) / 253 039 571 (Braga)

PUB
Pingo Doce Sabe Bem

Viva! no Instagram. Siga-nos.