CMPorto

Biblioteca Almeida Garrett recebe exposição de Eugénio de Andrade

Biblioteca Almeida Garrett recebe exposição de Eugénio de Andrade

Na última quinta-feira, 19 de janeiro, foi a data que assinalou o dia em que o poeta português Eugénio de Andrade faria 100 anos. Em modo de celebração, amigos e admiradores reuniram-se na inauguração de “Eugénio de Andrade: A Arte dos Versos”, a exposição que está patente na Biblioteca Municipal Almeida Garrett e que pode ser visitada até abril.

São apresentadas “palavras, fotografias, postais, poemas manuscritos e datilografados, livros e objetos pessoais, como uma máquina de escrever e uma mala, provenientes do núcleo de coleções do Museu da Cidade e da Biblioteca Pública Municipal do Porto”, lê-se na notícia avançada pela Ágora.

“É, simultaneamente, um tributo a um nome maior das letras e da poesia portuense e portuguesa e um feliz reencontro com a obra e a vida do artista e poeta. Esta relação abre uma pequena janela, muito luminosa, sobre o espólio literário, artístico e fotográfico do autor”, afirma Jorge Sobrado, diretor do Museu e Bibliotecas do Porto e curador da exposição, citado na publicação.

Nesta mostra, é também possível identificar as “cumplicidades artísticas” com personalidades igualmente conhecidas, como Sophia de Mello Breyner Andresen, Agustina Bessa-Luís, José Rodrigues e Siza Vieira. Além disso, o seu “alcance internacional” é notável nas suas traduções, edições internacionais e viagens literárias.

A entrada na exposição “Eugénio de Andrade: A Arte dos Versos” é livre, entre as 10h00 e 18h00, de segunda-feira a sábado, e estará disponível até ao dia 23 de abril, Dia Mundial do Livro e do Direito de Autor.

Foto: Filipa Brito e Guilherme Oliveira

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/sabe-bem-poupar-todos-os-dias/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=27012023-edicao71utm_campaign=sabebem