CIN - VinylMatt

APDL passa a integrar Zona Livre Tecnológica

APDL passa a integrar Zona Livre Tecnológica

A APDL celebrou esta quarta-feira, dia 4 de agosto, um Acordo de Colaboração com o CEiiA – Centro de Engenharia e Desenvolvimento, onde passa a integrar a Zona Livre Tecnológica (ZLT) de Matosinhos.

Através deste acordo vai ser possível realizar “testes de novas tecnologias, serviços, produtos ou soluções inovadoras relevantes não só para a atividade do Porto de Leixões, mas também para aferir a viabilidade de produtos, serviços e modelos de negócio inovadores para o mercado”, explica a nota de imprensa.

O presidente do Conselho de Administração da APDL, Nuno Araújo, citado no documento, afirma que “este é mais um passo rumo à neutralidade carbónica e digitalização do Porto de Leixões, posicionando esta infraestrutura enquanto plataforma para a testagem e desenvolvimento de novas tecnologias para o país”.

A APDL associa-se, desta forma, a um conceito onde a inovação tecnológica é aliada à transformação digital, com foco na sustentabilidade, transição energética e neutralidade carbónica.

Referir que o CEiiA “introduziu, em 2019, em Portugal o conceito de «Zona Livre Tecnológica – ZLT», tendo sido já realizados vários testes na ZLT de Matosinhos, na área da mobilidade, conetividade e sustentabilidade, quer em espaços públicos, quer em espaços privados”.

PUB
www.pingodoce.pt/campanhas/sabor-do-mes/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=peixe&utm_campaign=sabordomes