Sabor do mês PD - peixe

Edifício do antigo Hotel do Louvre vai ter uma nova vida

Edifício do antigo Hotel do Louvre vai ter uma nova vida

Situado no cruzamento da Rua do Rosário com a Rua de Dom Manuel II, junto ao Museu Soares dos Reis e ao Hospital de Santo António, o edifício que albergou um dos mais luxuosos hotéis do Porto no século XIX, o Hotel do Louvre, vai agora ser recuperado.

Os serviços de Urbanismo da Câmara do Porto já aprovaram a intervenção que vai dotar o edifício de espaços para comércio, serviços e habitação, avança o portal da autarquia.

A reabilitação será feita pela FL – Engenharia e Construção, “sem alterar o conceito do edifício, preservando as suas características e traça existentes”. A obra terá a duração de 12 meses.

Neste imóvel histórico já funcionou um hotel de luxo, o Hotel do Louvre, onde estiveram alojados imperadores.

Segundo o historiador Germano Silva, o Hotel do Louvre foi palco de um dos episódios mais curiosos da história hoteleira da cidade do Porto: em 1872, o imperador do Brasil, D. Pedro II, ficou aqui hospedado com a sua comitiva. “No último dia da hospedagem a hoteleira apresentou a conta a Nicolau António do Vale da Gama, mordomo da casa real brasileira. Totalizava 4.500$00 reis. Submetida à aprovação do imperador este ordenou ao seu mordomo que não pagasse a fatura por achar exagerada a quantia pedida. Mais, incumbiu Manuel José Rebelo, ao cônsul do Brasil no Porto, de apresentar uma queixa em tribunal contra a dona do hotel que acusou de especulação indevida”, conta Germano Silva, numa crónica publicada em 2016 na revista Visão.

O tribunal acabaria por dar razão ao hotel portuense. No entanto, a situação foi resolvida não pelo imperador mas por “dois portugueses endinheirados que residiam no Rio”, que tomaram a iniciativa de saldar a dívida.

Ao longo do século XX, o edifício serviu de sede a várias instituições da cidade, como o Orfeão Lusitano, o Sport Comércio e Salgueiros, o Cineclube do Porto e o Movimento de Unidade Democrática. Mais recentemente, albergou a Escola de Condução “A Desportiva”, “até cair numa situação de abandono que durava há vários anos”, assinla o Porto..

Fotos: FL – Engenharia e Construção

PUB
www.pingodoce.pt/campanhas/sabor-do-mes/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=carne&utm_campaign=sabordomes