Recheio

“Alberto Giacometti – Peter Lindbergh. Capturar o Invisível”: exposição conjunta estreia no Porto em abril

“Alberto Giacometti - Peter Lindbergh. Capturar o Invisível”: exposição conjunta estreia no Porto em abril

A exposição “Alberto Giacometti – Peter Lindbergh. Capturar o Invisível”, até agora apenas exposta no Instituto Giacometti, em Paris, no ano passado, vai estar em exposição a partir do dia 1 de abril no Museu da Misericórdia do Porto (MMIPO).

A mostra é “um diálogo íntimo entre a obra de Alberto Giacometti, um dos mais aclamados escultores do séc. XX, e a fotografia de Peter Lindbergh, que desvenda uma notória similitude na forma como representam a realidade”, resume o comunicado enviado à VIVA!, que adianta ainda que a iniciativa, inserida no âmbito das comemorações do 5.º aniversário do Museu, é também um tributo ao lendário fotógrafo de moda que morreu prematuramente em setembro de 2019 e que esteve totalmente envolvido no processo de trazer a exposição para o Porto.

Fascinado, desde novo, pela obra e personalidade de Giacometti, Lindbergh foi convidado pelo Instituto Giacometti a fotografar a coleção, em 2017. “Deste encontro resultou uma coleção de fotografias que estarão lado a lado com as esculturas, criando um diálogo entre os dois artistas, que partilham a procura pela representação da realidade e a contemplação como forma de acesso à verdade”.

“Alberto Giacometti – Peter Lindbergh. Capturar o Invisível” pode ser visitada até ao dia 24 de setembro.

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/gastronomia-dos-acores-e-madeira-na-sabe-bem-de-outono/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=240921-ta5&utm_campaign=sabebem63

Viva! no Instagram. Siga-nos.